José Roberto Fávero, um verdadeiro paulinense da gema 

Autor da Indicação do Projeto de Lei que concede bolsa de estudo aos alunos de Paulínia, aos 70 anos ele acumula experiências como esportista, técnico, diretor de clubes, funcionário público e político 

POR ADEMIR INÁCIO  

FOTOS: ADEMIR INÁCIO 

José Roberto Fávero, 70 anos, presenciou e participou do crescimento e desenvolvimento de Paulínia. Para a Revista ZAP, contou um pouco do que viveu como esportista, funcionário público e político. Foi vereador por três mandatos e assessor de bancada. Na prefeitura foi escriturário, encarregado e chefe de departamentos. No esporte, foi jogador, técnico, presidente e diretor de clubes e equipes de futebol.  

Zé tem os filhos Andréia Aparecida Fávero e José Roberto Fávero Júnior, a esposa Rita de Cássia Neves Lima e os enteados João Vitor lima e João Vanderlei Lima Júnior como os amores de sua vida, enquanto que o futebol, a Associação Esportiva Paulinense (AEP) e a Escola de Samba Havaí 71 exercem uma grande paixão em sua vida.  

Funcionário público aposentado, exerceu diversos cargos na vida pública. Atualmente, ele e a esposa Rita comandam o bar Recanto dos Campeões, um ‘botecão’ intimista para receber amigos, esportistas, políticos e frequentadores assíduos.  

O esporte, seja amador ou profissional, faz parte da sua vida. Mas foi no futebol – que começou cedo, aos 13 anos – que se tornou boleiro, jogador, técnico, dirigente e presidente de vários times. Defendeu e chefiou equipes importantes da cidade e região.  

Um dos fundadores da Escola de Samba Havaí 71, que em 2021 vai comemorar 50 anos, conduz a agremiação há 22 anos, sendo 18 consecutivos. Reeleito fica à frente até 2024. Comandou carnavais memoráveis tanto na Avenida José Paulino como no Sambódromo. 

Carreira política 

José Roberto Fávero ocupou o mandato de vereador titular por três mandatos consecutivos na Legislatura entre 1973-1977, 1977 a 1983 e entre 1983-1988. Como presidente da Casa formalizou a personalidade jurídica própria do Legislativo, além da construção da sede da Câmara Municipal.  

Ele é o autor da Indicação do Projeto de Lei de 1975, que concede até hoje bolsa de estudo aos estudantes paulinenses. “Desejo que outros paulinenses, assim como eu, invistam em Educação, pois ela é o único caminho para o desenvolvimento de cada um”.  

Zé Roberto, como é conhecido, é um Cidadão Emérito, honraria concedida pela Câmara de Paulínia, por ser um munícipe nascido em Paulínia e por se destacar em várias áreas que atuou e atua em prol da população paulinense 

Sobre o futuro ele é otimista. “Acredito que Paulínia pode ser muito maior do que é hoje por meio do investimento na Educação e na inovação tecnológica”, completou Zé.