Na pele – Edição 47 (Out/Nov 2018)

Prejuvenation: Você já ouviu falar?

Vocês já ouviram falar de Prejuvenation?!

Trata-se de um termo muito usado na Dermatologia que é a combinação das palavras ‘prevenção’ e ‘rejuvenescimento’, em inglês. A ideia é cuidar da pele desde cedo, mesmo antes dos primeiros sinais de envelhecimento cutâneo aparecerem.

O Prejuvenation provoca uma reflexão sobre hábitos e tratamentos que já fazemos, que podem ser potencializados para, não apenas retardar os sinais do envelhecimento, mas, também, para ajudar a nossa pele a envelhecer com mais beleza e naturalidade.

Muitos já sabem que o processo de envelhecimento natural se inicia por volta dos 30 anos e atualmente existem estudos que comprovam que iniciar tratamentos estéticos por volta dos 30 anos reduz em até 50% as rugas aos 60 anos. E, tratamentos iniciados aos 45 anos, quando já existem rugas e marcas de expressão, reduzem em média 35% as rugas por volta dos 60 anos.

Um dos principais objetivos do Prejuvenation é o estímulo frequente de colágeno, proteína que confere firmeza e sustentação à pele e que, com o passar dos anos, vai deixando de ser naturalmente produzida pelo organismo favorecendo o surgimento dos tão temidos sinais.

No consultório, por exemplo, são utilizados os tratamentos como a toxina botulínica, preenchedores em pequenas quantidades, ultrassom microfocado, estimuladores de colágeno, lasers e radiofrequência microagulhada.

Para dar continuidade ao tratamento em casa, o paciente é orientado a usar filtro solar diariamente, limpar e hidratar a pele, não fumar, ter uma alimentação balanceada, beber muita água e utilizar cremes antioxidantes e anti-idade desde cedo (25 anos mais ou menos).

Com este conceito de prevenção + rejuvenescimento, não devemos esperar muito a passagem do tempo para iniciar os tratamentos, e sim realiza-los antes, para minimizar o aparecimento desses sinais.

Quanto mais cedo o paciente iniciar os cuidados com a pele, melhores e mais naturais serão os resultados no futuro.

Desta forma, é possível ter uma pele linda e saudável em todas as fases da vida, adotando protocolos de tratamento personalizados para cada uma delas, realçando a beleza e a jovialidade de cada um, com naturalidade e respeitando suas características individuais.

Esta é a chave para procedimentos dermatológicos bem sucedidos.