Paulínia passa a agendar vacinação contra Febre Amarela para quem vai viajar para áreas de risco de contaminação da doença

Viajantes devem ligar para o 156 para marcar data, local e horário

A partir da próxima segunda-feira, dia 24, quem for viajar para áreas de risco de contaminação por Febre Amarela poderá agendar vacinação contra o vírus através do número 156.  Até a última quinta-feira, dia 19, a imunização dos viajantes era realizada por meio da distribuição de senhas nas Unidades Básicas de Saúde do Centro e São José.

De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, a alteração no sistema de imunização foi realizada para garantir maior comodidade aos cidadãos. “Como a procura pela vacina aumentou, algumas pessoas eram obrigadas a chegar muito cedo para garantir a senha. Decidimos, então, alterar o sistema para oferecer maior conforto aos paulinenses que pretendem viajar para as áreas de risco e, por isso, precisam se imunizar com rapidez”, afirma o secretário de Saúde do município, Dr. Cláudio Miranda.

O agendamento estará disponível a partir das 8 horas da próxima segunda-feira e é dirigido exclusivamente a pessoas que pretendem viajar. “Pedimos a colaboração da população para que possamos dar prioridade a quem realmente precisa ser imunizado. Pessoas que não pretendem viajar devem aguardar o cronograma de vacinação que será divulgado em breve. Nosso objetivo é levar as equipes de Saúde para os bairros da cidade, como já está sendo feito na zona rural e áreas localizadas na divisa com Campinas, que neste momento são prioritárias”, ressalta o chefe da Pasta.

Viajantes podem agendar a vacina pelo 156, de segunda a sexta-feira, das 8 às 17 horas.

Mutirões de vacinação – No último dia 15, equipes de Saúde visitaram a zona rural e vacinaram cerca de 550 pessoas. Neste sábado, dia 22, foi a vez dos moradores dos condomínios localizados em áreas que fazem divisa com Campinas receberem a imunização.

“Estamos seguindo orientações da Vigilância Epidemiológica do Estado de São Paulo. Neste momento, a prioridade são estas áreas. Quando encerrarmos a primeira etapa, iniciaremos as ações na área urbana”, explica Dr. Cláudio.

No próximo dia 29, sábado, o mutirão será realizado nos condomínios Okinawa, Reserva Real e Cancioneiros, que também fazem divisa com Campinas.